Anuncie aqui

domingo, 11 de setembro de 2016

161° Homicídio em Mossoró 2016: Jovem é morto a tiros em via pública no Bom Jesus


Mais um Homicídio provocado por disparos de arma de fogo é registrado pela Polícia Militar em Mossoró, região Oeste do Rio Grande do Norte. 

O crime aconteceu em via pública por volta das 03h45min desta madrugada de domingo 11 de setembro de 2016, na Rua principal do bairro Bom Jesus. 

A vítima um jovem de 20 anos identificado como Carlos Augusto Rodrigues da Costa Juniorresidente no centro da cidade de Governador Dix Sept Rosado, foi morto a tiros quando retornava de uma festa em um clube naquele bairro. 

Segundo a Polícia Militar que foi acionada para atender a ocorrência, o jovem Carlos Augusto, o "Junior" como era mais conhecido, tinha acabado de sair do clube e quando retornava pra casa em uma moto Biz de cor vermelha com placa de Tabuleiro do Norte no estado do Ceará foi abordado quando reduziu a velocidade da motocicelta para passar numa lombada. 

Segundo informações dois homens que também estavam de moto, encostaram e efetuarfam vários disparos na vítima que não resistiu e morreu a cerca de 300 metros do clube Junior's Bar. 

A Polícia ainda não tem informações sobre a motivação do crime, mas foi informada pelo pai da vítima que mora no bairro onde ocorreu o homicídio e que esteve no local, que Carlos Augusto costumava portar arma de fogo. 

A Polícia informou também que a vítima era suspeita de envolvimento com a prática de delitos na região do Bom Jesus. As caracaterísticas da moto em que estava a vítima, foram relatadas à Central de Operações da PM por algumas vítimas de assaltos ocorridos recentemente naquela região. 

Com mais este homicídio registrado na madrugada de hoje (11), a cidade de Mossoró já chega aos 161 assassinatos neste ano de 2016. O caso será investigado pela Divisão de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP).

Fonte Fim da Linha

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aceitaremos comentários anônimos. os Comentários Serão aceitos após uma rápida moderação, os conteúdos são de inteira responsabilidade de seus autores, em casos de ofensas pessoais ou injurias processos judiciais podem ser aplicados mediante a quebra de sigilo do seu IP.